domingo, 9 de outubro de 2011

A lei do livre arbítrio, nossa responsabilidade com nós mesmos. Aprenda como aumentar sua liberdade interior.









"O livre arbítrio de cada ser humano é variável segundo o grau de evolução e as condições de funcionamento da consciência. As cinco formas mais comuns de aumentar o livre arbítrio são: diminuir a força ou acabar com condicionamentos, traumas e bloqueios; cultivar o que é nobre; aumentar o grau de conhecimento intelectual; expandir a consciência; buscar a completude (evoluir em todas as áreas da vida).

A regra é: o que é nobre amplia a liberdade, o que não é nobre limita-a. Espíritos mais evoluídos possuem mais sentimentos, sensações, intuições e pensamentos nobres, portanto possuem um grau maior de liberdade de decisão (livre arbítrio).

O que é nobre dificulta a ação dos condicionamentos do passado, dos condicionamentos culturais e das crenças e valores que não são evoluídos – todos devem ser inibidos porque restringem as vidas das pessoas levando-as a repetirem atitudes, pensamentos, sentimentos e ações”.

Ensinamentos do livro Nascer Várias Vezes (quero comprar o livro)



Em um dos capítulos do livro Nascer Várias Vezes é contada a história de uma mulher que, após ser estuprada, foi desprezada pela família. Expulsa de sua casa, ela partiu para sempre. A cultura do local ensinava que mulheres violentadas deviam ser tratadas com agressividade. Ou seja, os familiares obedeceram às regras sociais: mandaram-na embora sabendo que ela teria uma vida “desgraçada”.

Os familiares seguiram as regras sociais porque estavam condicionados a aceitar estas regras. O livre arbítrio nesta situação foi muito pequeno. O amor, o carinho, o senso de proteção e de ajuda mútua, tudo foi esquecido. Sobrou a raiva, o ódio e o desejo de se ver livre de uma mulher que "traria vergonha para a família". Se o negativo dominar, sempre haverá menos liberdade.

Suponhamos que o amor de alguns membros da família fosse mais forte que o ódio. Haveria duas forças agindo. A força da regra social mandando se livrar da mulher que causava vergonha e o amor dizendo que deviam protegê-la para que ela não sofresse mais. Se o amor dominasse, desencadearia uma série de reflexões na mente dos familiares que se traduziriam em outras opções de comportamento/ação. Por exemplo: poderiam mandá-la para a casa de um parente que mora distante. Lá ela poderia reconstruir a vida com dignidade.

O ódio dominou, a regra social foi seguida e a mulher foi abandonada para ser vítima de outras violências e privações. A dúvida só existiria se o amor, o carinho, a gratidão e o senso de proteção se fizessem fortes. Os sentimentos nobres dariam força para quebrar as regras sociais; assim seria gerada a liberdade de escolha.




Outra história também explica o que todos podem fazer para aumentar o próprio livre arbítrio. 

Um homem foi ajudado por uma família. Por este motivo ele tinha muita gratidão e carinho para com eles. Sempre dizia que um dia ajudaria quem lhe ajudou. Os anos passaram e durante estes anos o homem cultivou a gratidão e a preguiça. Chegou o momento em que a família amiga precisou de sua ajuda, mas ele não conseguiu ajudar. Sua preguiça atuou de forma a bloquear seu interesse em ajudar.

Existe um conceito extremamente importante para quem quer evoluir espiritualmente: completude. O homem que tinha a gratidão deveria ter cultivado também o dinamismo. Desta forma, estaria preparado para ajudar no momento necessário. Qualidades e habilidades nobres necessitam de outras qualidades e habilidades para poderem realmente atuarem e ampliarem seu raio de ação.


A gratidão incentivava o homem a decidir: vou ajudá-los. Mas, não conseguiu colocar em PRÁTICA sua decisão por causa da preguiça. Seu livre arbítrio ficou reduzido. Sua evolução ficou estagnada. Ao invés de gerar satisfação em seu interior, gerou angústia. (Veja este texto sobre emagrecimento)

O estudo, o diálogo, os bons exemplos e a reflexão racional também podem contribuir para aumentar o livre arbítrio. 

Por exemplo, você estuda os textos do blog Nascer Várias Vezes, aprende e começa a colocar em prática os ensinamentos – você está gradativamente aumentando seu livre arbítrio. A reflexão pode te levar a optar por novas formas de ação, pode te ajudar a sofrer menos com os problemas cotidianos, pode ser o indutor para tomadas de decisões diferentes, etc. Toda nova experiência pode contribuir para a ampliação do livre arbítrio e para a sua evolução espiritual.

A liberdade interior para tomar de decisões aumenta sua chance de fazer boas escolhas. Fazer boas escolhas é fundamental para criar uma boa vida. Quem faz as escolhas? Você. Quem será afetado por suas escolhas? Muita gente. Mas, principalmente você. Suas escolhas cotidianas dirigem sua vida. 

Os sentimentos e pensamentos nobres te ajudam a tomar decisões com mais sabedoria. Serão decisões melhores, tomadas com mais serenidade e foco. 

A luta para progredir espiritualmente é a mesma luta para aumentar o livre arbítrio. Somos responsáveis por nós mesmos. Devemos assumir a responsabilidade da própria vida, principalmente porque seremos nós que colheremos os frutos.


Autor: Regis Mesquita
https://twitter.com/saberespirita






Para conhecer todas as opções de compra do livro, clique aqui.

Para ler os depoimentos e reflexões de quem leu o livro: Clique aqui

Você também pode ler alguns capítulos do livro no computador. Clique aqui



Eu agradeço muito se você recomendar esta postagem no G+, curtir no Facebook, retuitar ou mandar o link por email.



Curta agora a página "A Espiritualidade no Dia a Dia"

Clique em "Curtir Página"




Reencarnação: somos todos frutos da misericórdia divina e da oportunidade de sempre recomeçar. Livro Nascer Várias Vezes




Leia também:








Atenção: Você pode receber as novas postagens do blog Nascer Várias Vezes no seu email. Na coluna da direita, digite seu email em "receba no seu email...". Depois confirme a inscrição clicando no link da mensagem que receberá no seu email.

É fácil! É rápido! É útil!






Nascer várias vezes para evoluir, este é o grande propósito. E a grande vantagem é que ao evoluir a vida fica melhor. Reencarnação



PS: agradeço às pessoas que acompanham o blog Nascer Várias Vezes, seja recebendo as mensagens via email, sendo seguidoras ou visitando-o de vez em quando. De “boca em boca” os números estão aumentando. Sua participação na divulgação do blog é fundamental. Obrigado!




Licença para reprodução dos textos do blog Nascer Várias Vezes: siga as instruções






Nenhum comentário:

Postar um comentário

Seja bem vindo, seu comentário é importante. Você também pode receber emails das novas postagens do blog. Inscreva-se no final da página de textos do blog (depois confirme no seu email).

Siga o Blog Nascer Várias Vezes no Twitter

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...