sexta-feira, 1 de março de 2013

Aceitar, compreender e respeitar as Leis de Deus. Use as Leis de Deus para evoluir e viver melhor






Leia os dois pensamentos abaixo e reflita sobre eles antes de seguir sua leitura:

“Aprendi o silêncio com as pessoas falantes, a tolerância com as intolerantes e a gentileza com as rudes”. Khalil Gibran

“Se Deus não te deu tudo que você quer é porque ele prepara algo melhor para você”. Anônimo


Todos nós estamos encarnados na Terra porque possuímos limitações óbvias. Somos imaturos e devemos nos esforçar muito para evoluir.

Uma pessoa imatura age de forma imatura, pensa de forma imatura e deseja coisas que imaturos desejam. Somos assim: caminhantes que estão descobrindo o caminho. Nosso foco de vida deve ser a aprendizagem, portanto a conquista do novo e da completude.

Uma criança começa aprendendo somas simples, depois aprende a resolver contas mais complexas. Aprende português, redação, geografia e todas as matérias que tornarão seu aprendizado mais completo e amplo. Em termos espirituais, uma pessoa que evoluiu no quesito paciência terá que evoluir também em outros quesitos; como, por exemplo, organização, disciplina ou assertividade. 

Escrevi este pensamento no Facebook, na página do livro Nascer Várias Vezes: “A vida para a maioria é um fardo pesado de esforços, dissabores, desavenças, angústias e ansiedades. Aqueles que se obstinam nos mesmos erros e limitações persistirão nos mesmos sofrimentos. A solução é a evolução. Cada prova e cada dificuldade exige uma conquista diferente. Nascemos para sermos grandes conquistadores; conquistadores das qualidades e habilidades que serão nossa garantia de bem estar”. Regis Mesquita

A postura ideal é a do lutador disposto a enfrentar as dificuldades. 

Todavia, existe um grande problema: tendemos a nos distanciar da boa luta. Quantas crianças escolheriam ir para a escola se fossem deixadas livres para escolher? Crianças imaturas farão escolhas imaturas. Os adultos agem da mesma forma. Quando encontram desafios que exigem habilidades ou qualidades que não desenvolveram, eles tendem a paralisar. Nesta hora deve-se reconhecer a bondade de Deus que obriga o ser humano a “se mexer”...




Acima de nós e para nos proteger de nós mesmos agem as Leis de Deus. 

Estas leis não respondem aos nossos desejos. Elas são belas porque forçam o aprendizado, nos conduzem aos desafios, nos tiram da “toca do medo” e nos proporcionam as oportunidades. "Se estamos em uma situação difícil, as Leis nos proporcionam recursos para construir uma nova estratégia e solução. Se estamos frente à um parente que insiste em seguir caminhos ruins, as Leis nos incitam a aprender o desapego, etc.". As Leis são claras, devemos evoluir e aprender em todas as situações. Esta é a razão pela qual o espírito fez a complexa operação de encarnação.

A vida é uma sequência de oportunidades. 

O pensamento de Khalil Gibran (no início do texto) é belo e verdadeiro. Ele aprendeu com as oportunidades; e aprendeu as lições mais simples, porque nem sempre podemos escolher o que aprender. É a vida que nos mostra o que temos que aprender. Um dia ele encontrou pessoas rudes, com elas aprendeu a gentileza. Com os intolerantes aprendeu a tolerância. Ele poderia ter sido menos sábio e ter aprendido a ser rude com os rudes, intolerante com os intolerantes; mas, escolheu outro caminho para sua vida. Esta é a simplicidade da vida: a vida decide a maior parte dos desafios evolutivos que você enfrentará. Você decide através de atos, sentimentos, pensamentos e escolhas o que aprender nestes momentos. 

Qual o desafio evolutivo de mães e pais bondosos e dedicados quando o filho segue péssimos caminhos? Observe que o livre arbítrio é do filho. Aos pais cabe evoluir espiritualmente, pois esta é a experiência, esta é a oportunidade. Estes pais terão lições a aprender, por exemplo: desapego e aprender a lidar com o stress e a frustração. Ao evoluírem, terão aberto janelas de luz em suas vidas espirituais que irão iluminá-los por longo tempo. As boas vibrações que emanarão e o bom exemplo da própria vida serão grandes estimuladores para a mudança do filho (se ele quiser aproveitar a oportunidade). Todavia, que fique claro: se Deus deixasse pessoas imaturas sempre decidirem quais são os desafios de suas vidas, haveria muito menos progresso na vida espiritual.

Alguns desafios são escolhidos pela pessoa antes de nascer. Outros são consequências lógicas de comportamentos imaturos. Outros são desafios que as situações da vida os obrigam a enfrentar. Quem aprender e desenvolver habilidades e qualidades para superá-los viverá melhor. Do contrário, o sofrimento tenderá a se manter por um longo tempo.

O que pensar do segundo pensamento do início do texto? É falso (não se iluda). As leis de Deus não lhe oferece o melhor ou o pior. Oferece oportunidades de evolução; o melhor para você é aproveitá-las. Deus não se pauta pelo seu desejo. As Leis de Deus não se “preocupam” com seu desejo; elas se “preocupam” em gerar oportunidades de aprendizado.

Deus quer que uma pessoa que vai prestar vestibular estude bastante. Quer que ele conquiste a disciplina, perseverança, boa vontade, etc. Quer que a pessoa lute, batalhe, se esforce. Ele quer isto para todos os que decidem estudar para um concurso. Quer isto para todos, sem exceção e sem privilégio. Não é difícil chegar à conclusão de que Deus não escolhe ninguém para passar no concurso. As Leis de Deus não respondem a desejos, respondem às suas ações. A boa vontade, a disciplina, a perseverança (entre outras) podem ser conquistadas e mantidas, sempre. Esta é a função da evolução. Ela vai além de um concurso, vai além de uma década, vai além de uma encarnação.

O que Deus quer de todos os espíritos é a batalha da evolução. Nossos desejos imaturos podem nos afastar da evolução, da mesma forma que um agricultor preguiçoso pode condenar sua família a sentir fome. Que a fome dos filhos seja o grande motivador do agricultor para fugir dos seus desejos e enfrentar a preguiça. Neste caso, haverá aprendizado e evolução.

Olhe para a realidade antes de desejar. Aceite os desafios da vida, porque através deles a beleza da evolução se revelará. Aprenda a se submeter à realidade, porque "não adianta aprender a acender fogo enquanto você se afoga no rio". A realidade nos diz no que devemos evoluir. É mais fácil, pois há incentivo e o “movimento da vida” a favor do aprendizado.

As Leis de Deus são belas. São belas porque são muito bem planejadas, organizadas e são eficientes. Seguir a favor delas é uma atitude nobre, saudável e de bom senso.

Por outro lado, cuidado com as belas palavras que não espelham a realidade da vida. Elas atrasarão quem nelas acreditar.


Autor: Regis Mesquita
https://twitter.com/saberespirita




Aproveite e compre agora seu exemplar do livro Nascer Várias Vezes








Ou, se preferir depositar no Banco Itaú, mande um email para
regismesquita@hotmail.com que lhe enviarei as informações (o livro será enviado via Correios).



Na página do Facebook - Nascer Várias Vezes - você encontra uma coletânea de pensamentos retirados do livro Nascer Várias Vezes atualizada diariamente (mesmo quem não tem conta no Facebook pode visualizá-la).

Te convido a conhecer a página, curtir e COMPARTILHAR os pensamentos com seus amigos.








Leia também:







Coloque este site entre seus favoritos e venha nos visitar de vez em quando. O Blog é sempre atualizado.



Gandhi explica sua crença na reencarnação.



Licença para reprodução dos textos do blog Nascer Várias Vezes: siga as instruções


4 comentários:

  1. Amigos,

    Relembrando... Abaixo seguem algumas opções de links:

    Leia uma parte do livro e compre o ebook: http://www.amazon.com.br/dp/B009VIECAQ

    Leia a introdução ao livro Nascer Várias Vezes http://www.nascervariasvezes.com/p/introducao-do-livro.html

    Saiba quais são os capítulos do livro. http://www.nascervariasvezes.com/p/o-livro.html

    Saiba como e onde obter seu exemplar do livro Nascer Várias Vezes http://www.nascervariasvezes.com/p/onde-comprar.html

    ResponderExcluir
  2. O texto é reflexo de experiências pessoais e vivência espiritual intensa; lastreada pela fé em Deus e pelo amor e respeito a todas as pessoas deste planeta sofrido. Um grande exemplo para as novas gerações.
    Regis Mesquita, muito obrigado por nos brindar com seus textos. Seus esforço é digno de todos os elogios.

    ResponderExcluir
  3. Regis, muita luz pra voce. Parabens pelo texto. Para quem quiser chegar no "praticamente novo estagio de consciencia que chegamos",é de suma importancia que o conhecimento teorico sobre o espiritismo seja posto em pratica. E aprender a meditar "é o maior presente que alguem pode se dar". Gosto muito do trabalho de Brian Weiss, o livro "muitas vidas, muitos mestres" e as fitas de meditaçao feitas por ele são simplesmente incriveis, fiz esse comentario pq acredito que vc tambem deve apreciar o trabalho dele. Muita luz pra voce.

    ResponderExcluir
  4. Todos os textos são capazes de tocar a nossa essência. Que belo trabalho!

    ResponderExcluir

Seja bem vindo, seu comentário é importante. Você também pode receber emails das novas postagens do blog. Inscreva-se no final da página de textos do blog (depois confirme no seu email).

Siga o Blog Nascer Várias Vezes no Twitter

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...